segunda-feira, abril 23, 2007

V I D A .C O M



Tem uma etapa das nossas vidas em que aventurar-se pelo desconhecido e perigoso, é fundamental para despertarmos um lado da nossa sensibilidade, que fica guardada dentro dos nossos corações urbanoides.

Alguns evitam o maximo esse momento, se prendem a pequenas coisas,se apegam com pormenores, e esquecem o principal, Viver...

Não que quem não corre atrás de uma bela aventura não viva bem.... Longe disso, porem lá fora, beirando aquelas montanhas, aquelas lindas serras e com seus lindos riachos e cachoeiras , brota vida... Não há nada melhor do que viver do lado da vida...

Perto aqui tem uma janela,
dessa janela vejo um grande e imenso estacionamento, com luzes e propagandas, pouca fumaça, da para ver o dia indo embora lentamente, deixando os últimos vestígios de cores pelo céu...
Ta laranja...
ta lilás...


jaja vem as trevas
e todo o tipo de brilho que nela há...


E a vida? Onde esta?
Eu me pego por muitas vezes me perguntando onde esta essa vida...
Estou verificando debaixo das pedras aqui em Brasília.
Mas eu sei onde esta a resposta...
Porque insisto em procurar aqui?
Procurando vida em outro planeta
Procurando uma boa aventura
Procurando essa tal sensibilidade
Deixando de ser urbanoide
Vivendo.

http://www.flickr.com/photos/60381958@N00/sets/72057594060800405/show

8 comentários:

segredos de menina disse...

ameeeeeeei o texto e as fotos
viajar é tudo... acho q nos conhecemos mais, refletimos mais..
:)
bjo

Lu Longarez disse...

ONDE ESTA A VIDA?


voce devia escrever auto-ajuda! =D
tipo 'um dia daqueles' ou 'sentido da vida', com imagenzinhas
ehehe


"O amor é grande e cabe nesta janela sobre o mar. O mar é grande e cabe na cama e no colchão de amar. O amor é grande e cabe no breve espaço de beijar."
Carlos Drummond de Andrade

daniela pedrinha disse...

Dá vontade de ir com vc nessas viagens... as imagens são lindas, os lugares então..

Eu já deixei de viver por causa dos detalhes.. a vida é isso mesmo, surpresas, acontecimentos inesperados, é isso que faz a diferença! Bjs

Anne Baylor disse...

"aventurar-se pelo desconhecido e perigoso, é fundamental para despertarmos um lado da nossa sensibilidade, que fica guardada dentro dos nossos corações urbanoides."

Oi Wevs...
Toda vez que leio e vejo suas fotos, fico me perguntando... 'quando é que vou lá?'

Nhum..
ótimo.
ótimo.

BJus

Elisandro disse...

Que maravilha de aventura, cumpadi Wevs!!! Obrigado pela honra da visita!

Ah, não sei se vc ainda tem vontade de colocar aquelas fotos do flickr aqui automaticamente. Caso queira dar uma olhada, aqui está o link:

http://www.flickr.com/badge.gne

Abração! Boa semana pra você!

Elisandro disse...

Ah, gostei do blog assim, todo branco! Ficou mais bonito!

abraço!

SACANITAS disse...

te abandonei pq morro de inveja das fotos daqui hehehe!

TUDO LINDOOOOOO!

beijosssss
.
.
.

Su disse...

Wevs,

Você hem??
Trouxe a vontade de viver mil dias naquelas cahoeiras, montanhas, serras, natureza... Que saudade!!
Que texto apaixonante!
O desconhecido não deve ser evitado. Viajar é preciso!! Conhecer o outro lado. Deixar de ser urbanoide e viver!!!!!!